Cãomilanças, fogos aussustadores, emergências veterinárias, fugas de casa e hotéis bons para cachorro. O fim de ano reserva muita coisa que você precisa dar mais atenção para curtir melhor o Reveillón com seu aumigão.

Separamos aqui 5 dos casos mais comuns  de ocorrerem nesse período do ano para que vocês passem uma virada cheia de aulegria e sem surpresas negativas.

COMIDAS: O QUE NÃO PODE

Se você costuma ser o anfitrião das festas ou se você sempre leva seu aumigo peludo, sabe que alguns convidados não controlam a tentação do olhar pidão e acabam dando alguma coisinha para ele comer.

O problema aqui é que a falta de informação da maior parte das pessoas em relação à alimentação de cães pode causar problemas gravíssimos porque algumas comidas são verdadeiros venenos para o organismo dos cachorros, com casos em que podem evoluir até mesmo para o óbito.

Portanto, comece não dando alimentos para seu cão que fujam da dieta dele, desse modo você irá desencorajar que algum convidado faça o mesmo. Peça para que seus convidados não alimentem seu cão, já que comidas que parecem inofensivas como uva passa podem intoxicar o cachorro. Fique atento a pratos que estejam no alcance do seu aumigo e também tome o devido cuidado para que ele não consiga bisbilhotar o lixo.

FOGOS DE ARTIFÍCIO

Muitos cães sofrem com os estouros dos fogos de artifício.

Com isso, é natural fazer carinho no cão, pegá-lo no colo e abraçá-lo para proteger. Mas isso não é recomendável porque o cachorro está em um momento de estresse e associará o comportamento de reconfortá-lo com a situação do momento, achando que de fato há algo de ruim acontecendo.

Nesses casos, o ideal é deixar que o cão lide da forma dele com o barulho, e também que você continue agindo de forma natural, demonstrando segurança como se nada demais estivesse acontecendo.

Caso o seu cão for passar o momento dos fogos em casa sozinho, deixe ele no ambiente que ele mais gosta e se sente mais seguro. Você também pode deixar uma roupa com o seu cheiro para ele se sentir protegido. Deixar a televisão ou o rádio ligado com um volume mais alto também é uma boa ideia para trazer mais conforto. Brinquedos com petiscos dentro e demais distrações também são ótimas maneiras de fazer seu bichano ficar mais calmo se estiver sozinho nesses momentos.

Se você já percebeu que seu cão fica muito incomodado mesmo com o som dos fogos, consulte seu veterinário para ver se há possibilidade de administrar algum calmante.

SE O SEU CÃO FUGIR

Se você mora em casa, as chances do seu aumigão fugir por medo do barulho de fogos nessa época podem ser grandes. Por isso, é importante que o cão tenha um microchip de identificação e uma coleira com plaquinhas de informações e contato.

Com o entra-e-sai de visitas nessas festas de fim de ano, é bom também ter em mente uma combinação para que as portas não fiquem abertas acidentalmente, facilitando com que seu aumigo fuja. Pense em avisar seus convidados para ficarem de olho nisso ou impossibilite o acesso do seu cão à porta de entrada.

ONDE DEIXAR SEU CÃO NAS FÉRIAS?

Hoje em dia existem pessoas que fazem serviços de “babás de animais”. Você pode procurar por alguma de confiança na sua cidade e marcar uma entrevista para que ela vá até sua casa e cuide do seu cão, dê uma voltinha com ele, limpe as necessidades, troque a água e dê comida.

Você também pode pedir para algum familiar ou vizinho passar na sua casa e se certificar de que está tudo certo com seu aumigão.

Outra possibilidade é colocá-lo em um hotel para cães. Essa opção é boa principalmente para quem tem apenas um animalzinho, porque assim ele não ficará tão solitário e poderá socializar com outros cães e funcionários do hotel enquanto você está fora. Mas lembre-se de levar ele para conhecer o ambiente antes de deixá-lo lá, e também de procurar referências sobre o hotel e a experiência de quem já deixou o cão lá.

E SE ACONTECER ALGUMA EMERGÊNCIA?

Lembre-se que nessa época, muitas clínicas entram em recesso. Portanto, é importante que você se informe com seu veterinário o que fazer no caso de alguma emergência. Se você deve ligar para ele, se ele conhece alguma clínica ou algum colega que estará disponível no período de fim de ano.

Com isso, esperamos que você se divirta muito e possa aproveitar o descanso merecido!

Um feliz 2018 da equipe da Box do Pet e que nesse próximo ano, nosso trabalho inspire e aproxime ainda mais você e seu aumigão! 🙂

Que tal já garantir um 2018 com mais surpresas e grandes momentos!?

A ideia da Box do Pet é fazer os cães e seus humanos viverem grandes momentos juntos, todos os meses.