Será que meu cachorro se coça demais?

Se você tem um cãozinho há algum tempo, já deve ter notado que um dos hábitos comuns é eles se coçarem. Quando isso acontece, a primeira coisa que passa pela cabeça da família é: pulgas e carrapatos. Por isso é importante sabermos que nem sempre a coceira possui essa origem, vamos entender então quando devemos nos preocupar ou não com aquela coçadinha atrás da orelha.

Falando em pulgas, clique aqui e dê uma olhadinha nesse texto da Box, que também pode te ajudar: Como tratar pulgas em cachorros?

Primeiro, vamos deixar claro: é normal que às vezes os cães sintam alguma coceira de leve. Isso nem sempre tem relação com pulgas, falta de banho ou algo do tipo. Pode-se caracterizar apenas um hábito natural. Assim como nós, humanos também sentimos alguma coceira na pele e nem sempre nos preocupamos com a causa.

Mas então, quando devemos ficar atentos aos cães que se coçam?

O ideal é você notar a frequência e o tempo em que o bichinho fica se coçando, se você notar que o seu cão ou sua cachorrinha está se coçando com muita frequência, precisa-se averiguar algumas coisas:

  • O antipulgas está em dia?
  • O animal esteve em algum passeio recente? Chegou da rua e começou a se coçar?
  • Há alguma ferida no local? Às vezes os cães começam a morder o local, para coçar com mais força, preste atenção nisso também.
  • O animal teve contato com outros cães recentemente? Algum amiguinho novo?
  • Houve alguma utilização de produtos novos, como shampoo que ele ainda nunca havia utilizado?
  • Há alguma falha de pelos na área da coceira? Os pelos chegam a cair?
  • A caminha, paninho ou cobertores do seu cão estão higienizados? Pode ter ficado alguma sujeira por lá que esteja incomodando o animal, como uma pedrinha, algo do tipo.

Depois de pensar em todas as possibilidades, o legal é você acompanhar de perto a pele do cão. Se está com machucadinhos ou algum arranhado, se estiver, é válido você levar o cão até o veterinário para que seja feita uma análise profissional da causa.

Por mais que a coceira de leve seja natural e normal, esteja sempre de olho neles para que o cuidado necessário seja realizado o quanto antes, caso seja algo grave. Afinal, tudo em excesso pode ser ruim, até aquela coçadinha básica 😉